Filtros

FILTRO DE AR

O filtro de ar é responsável por filtrar impurezas presentes no ar como, partículas de sujeiras, pólen e fuligem. Estas partículas prejudicam o funcionamento do motor pois diminuem o fluxo de ar utilizado na combustão e entopem outras peças. Recomenda-se que a troca do filtro de ar seja feita a cada oito a doze mil quilômetros, podendo variar de acordo com a marca do filtro e do automóvel.

FILTRO DE CABINE

Este filtro retira do ar a fuligem, partículas orgânicas, pó e gases da combustão, que poderiam causar problemas à saúde dos usuários do carro. Outra função do filtro de cabine é impedir que impurezas possam se acumular no ar condicionado e no sistema de calefação, melhorando a visibilidade. Esta peça deve ser trocada frequentemente, em média a cada 15 mil quilômetros ou pelo menos duas vezes por ano.

FILTRO DE COMBUSTÍVEL

Impede que impurezas presentes no combustível, como poeira, ferrugem, água, etc., passem e provoquem avarias como entupimento e desgaste no sistema de combustão. Sua manutenção é necessária para evitar esses problemas e deve ser feita periodicamente, de acordo com a recomendação do fabricante da peça.

 

FILTRO DE ÓLEO

Utilizado para diminuir a fricção entre as peças do motor, o óleo pode apresentar impurezas como pó, carvão e fuligem, as quais podem causar desgaste no motor e entupimento de peças. Para a eliminação destas partículas utiliza-se o filtro de óleo, garantindo assim uma maior durabilidade do motor. Por isso, a troca e manutenção periódica dessa peça é muito importante para o bom funcionamento do veículo.

HIGIENIZAÇÃO DE AR CONDICIONADO

A higienização do ar condicionado é feita através da limpeza ou da troca de suas peças. Deve ser feita periodicamente, evitando assim o aparecimento e proliferação de microrganismos, como fungos e bactérias, prejudiciais tanto para o próprio funcionamento do ar condicionado quanto para o usuário do automóvel, já que estes podem causar desde mau cheiro até problemas de saúde.